Vou começar a explicar do início, né?!

Tudo começou quando a cabeleireira inglesa, Lorraine Massey (vide foto abaixo), publicou o livro Curly Girl Handbook (Manual da Garota Cacheada). Nele, ela fala sobre o Curly Girl Method: método que a cabeleireira cacheada desenvolveu para tratar cabelos como os dela de maneira gentil e sem agressões. O objetivo de Massey era garantir que os fios não ficassem ressecados, minimizando assim, os danos à cutícula capilar.

Mas como Lorraine se propôs a fazer isso?

Sugerindo o uso de shampoo sem sulfatos e outros ingredientes que removem toda a oleosidade natural do fio, ou simplesmente, o seu não uso. A primeira técnica ganhou o nome de Low Poo (shampoo leve) e a segunda, de No Poo (= nenhum shampoo).

Pronto! Pergunta do post respondida com sucesso! Vamos aproveitar o embalo e já deixar claro que embora as técnicas de Low e No Poo tenham sido criadas por uma cacheada, isso não significa que as pessoas com cabelo liso não possam usar.

Bom demais! Eu, por exemplo, tenho cabelo liso e com mechas que me tiram a oleosidade natural e o sossego também! rsss... No meu caso, os shampoos com pouco ou nenhum sulfato, petrolato, óleos minerais, vaselina, e parafina liquida, etc, são super parceiros, por lavarem os meus fios sem ressecá-los ainda mais.

Só têm um porém na minha humilde opinião: eles não fazem espuma. E a isso, eu ainda não consegui me acostumar.. haha! Mas vamos ao que interessa: como saber quais são os produtos liberados ou não para No e Low? Como saber se o shampoo ou até máscaras têm ou não o sulfato e demais agentes ressecantes?

Fiquem ligadas que daqui 10 dias eu conto!

Beijos!