Não existe mágica para deixar o cabelo bonito e sedoso. Independentemente de ele ser liso, cacheado, crespo, seco, oleoso ou tingido existem algumas regras essenciais para cuidar dos fios. Além de hidratá-lo com certa regularidade, repor os nutrientes dos cabelos com processos químicos e que sofrem agressões causadas pela chapinha e o babyliss, saber escolher o shampoo para o seu tipo de cabelo é imprescindível.

E é exatamente sobre isso que falaremos no post de hoje. Ensinaremos algumas dicas essenciais para encontrar o shampoo ideal e deixar o seu cabelo maravilhoso. Confira!

O que considerar ao escolher o shampoo para o seu tipo de cabelo?

Entender quais são as necessidades do seu cabelo é o primeiro passo antes de comprar um shampoo. Talvez, seus fios estejam pesados e sem vida, pois você não está tratando deles como deveria.

O cabelo liso apresenta características diferentes do cabelo cacheado e, por conta disso, os cuidados necessários serão diferentes. Isso também acontece se o seu cabelo for seco e tingido e você estiver usando produtos voltados para fios oleosos.

Provavelmente, provocará o efeito contrário do que estava esperando, não é mesmo? Dessa forma, saber escolher o shampoo faz toda diferença no resultado a ser alcançado.

Qual a importância do shampoo?

O shampoo promove a limpeza do fio, eliminando as gorduras, retirando resíduos de produtos que você usa ao longo do dia e de sujeiras que vão se acumulando no couro cabeludo e na haste capilar.

O melhor shampoo é aquele que realiza a limpeza com eficácia e não resseca os fios. Por conta disso, o ideal é que você opte por um produto de qualidade, que além de tratar, também o hidrate, que tenha um ótimo custo-benefício e contenha todos os princípios ativos indispensáveis para deixá-lo como se você tivesse acabado de sair do salão de beleza. De preferência ele deve ser da mesma marca que o condicionador e da máscara de tratamento.

E não se preocupe! Você não terá que fazer isso sozinha! Nós já te ensinamos 9 truques para potencializar a hidratação do seu cabelo. Agora, listamos as principais qualidades de tipo de fibra capilar e o que você deve analisar ao escolher um shampoo.

Qual o melhor shampoo para o seu tipo de cabelo?

Cabelo liso

O cabelo liso tem o que é chamado de curvatura perfeita, ou seja, a hidratação dos fios é natural e por conta disso ele não precisa de tanta reposição de nutrientes como outros tipos de cabelo. O indicado é que você observe no rótulo se o shampoo é recomendado para fios grossos ou finos, pois essas classificações podem provocar efeitos diferentes.

Por exemplo, para evitar que ele fique pesado e deixá-lo mais encorpado, dê preferência para shampoos que contenham bálsamo e proteínas na fórmula.

Outra dica para esse tipo de cabelo e que potencializará a ação de prevenção do shampoo contra a oleosidade é não lavá-lo com água quente. Se não for possível realizar a limpeza com água gelada, priorize para que pelo menos o processo de enxague aconteça nessa temperatura — essa tática ajuda a dar mais brilho aos fios.

Cabelo crespo

Lavar o cabelo crespo com o shampoo errado pode fazer com que ele não tenha cachos bem definidos e que fique com bastante frizz. Esse tipo de fio precisa de produtos que sejam realmente hidratantes e que reforcem a sua beleza natural. Shampoos com quinoa e queratina na fórmula são os ideais.

Cabelo cacheado

Um erro muito comum é achar que um shampoo para cabelo liso contribuirá para alisar um cabelo cacheado. Não se engane, eles não são capazes de provocar esse efeito.

Um cabelo cacheado malcuidado se torna sem vida e seco. E ninguém quer isso, certo? E saiba que não são apenas os processos químicos que podem prejudicar a qualidade dos seus fios. A exposição ao sol, ação do vento, água do mar e a poluição podem causar esse ressecamento.

Para tratar e cuidar dos fios, é aconselhável optar por shampoos que contenham pantenol e proteínas, de modo a complementar a ação da máscara hidratante.

Em caso de pontas duplas, procure por produtos que promovam a selagem das pontas e que tratem os danos.

Cabelo oleoso

Já existe no mercado shampoo anti-resíduos que promovem uma limpeza profunda e que são capazes de controlar a oleosidade do couro cabeludo. Shampoo com jojoba, chá verde, própolis, arnica e menta são os mais indicados para tratar e prevenir esse problema.

Agora, se o seu cabelo tem a raiz oleosa e as pontas secas, em hipótese alguma deixe que um condicionador atinja o couro cabeludo. Nesse caso, o shampoo anti-resíduos pode ser aplicado na raiz e um anti-frizz no comprimento.

Saiba que se a quantidade de sebo produzida for grande, aumentam as chances de você desenvolver caspa. Então, todo cuidado é pouco.

Cabelo tingido

O cabelo tingido passa por um processo muito agressivo durante a troca da cor. Portanto, para que os fios não fiquem quebradiços e fracos, repor nutrientes e reforçar a hidratação deles é muito importante. Para descolori-lo com água oxigenada, por exemplo, é removida uma camada de proteção, deixando o cabelo mais frágil e sensível.

Além disso, a escolha adequada do shampoo garantirá a manutenção da cor e contribuirá para que o tom se mantenha vivo por mais tempo, retardando ao máximo o desbotamento.

Produtos com aminoácidos e ácido glicólico na fórmula ajudam a repor todas as proteínas perdidas e renovam a fibra capilar e celular, formando uma camada protetora em volta do fio.

A Lowell desenvolveu diferentes linhas de shampoos, para tratar, hidratar e dar brilho a todos os tipos de fios. São produtos de qualidade e que certamente transformarão a sua cabeça. Confira aqui em detalhes cada um dos produtos e veja qual é o mais indicado para deixar o seu cabelo igual ao de uma diva do cinema!

Fonte: Aneethun